Partindo da Base

Este blog foi criado no âmbito da aplicação dos conhecimentos teóricos adquiridos durante as aulas de Jornalismo On line, uma cadeira ministrada no segundo semestre do II ano, na Universidade Eduardo Mondlane. Este blog faz alusão a assuntos políticos, económicos, sociais pessoais do único membro do presente blog e entre outros assuntos. Vale dizer, é generalista. Os conteúdos nele contidos são da inteira responsabilidade do seu autor.

A minha foto
Nome:
Localização: Maputo, Polana, Mozambique

Sou um jovem estudante de Jornalismo na Universidade Eduardo Mondlane, em Moçambique. Sou uma pessoa com muita vontade de aprender, de conhecer cada vez mais pessoas novas, lugares novos... Detesto por natureza todas mulheres viciadas, vale dizer, que abusam o sexo, as bebidas alcoólicas e o fumo. Pior ainda, aquelas que até consomem drogas. Adoro tanto assistir "clipes" de música rap.

quinta-feira, julho 06, 2006

Todos os Postos Administrativos de Mandlakaze

Até 2010 terão água canalizada
“Todos Postos Administrativos de Mandlakaze, na província de Gaza, terão água canalizada até 2010”. Estes dados foram avançados em exclusivo ao A TribunaFax, pelo Administrador daquele distrito, Roque Silva Manuel, que segundo ele, o governo local está a conceder projectos de reabilitação e construção de redes e furos de água no distrito. O fornecimento de água potável no distrito acima referenciado, se encontra abaixo dos 50 por centos. E com vista a superar o actual défice, está em curso a reconstrução do sistema de abastecimento de água canalizada no Posto Administrativo de Macuácua que deverá estar concluída até ao final do primeiro semestre do presente ano. Aliás, segundo declarações de Roque Samuel, depois de Macuacua beneficiar de água canalizada, a rede vai ser estendida para os restantes postos do distrito de Mandlakaze que deverão contar com o abastecimento do precioso líquido dentro de cinco anos. “Há duas linhas verdes que estão a ser desenvolvidas. Dum lado está a ocorrer o levantado de número de fontes avariadas e reabilitadas, e doutro, estão sendo construídos novos fontanários,” disse Samuel para depois sublinhar que foram identificadas 20 fontanários avariadas. Deste total, segundo declarações da nossa fonte, 7 já beneficiaram de reabilitação, e foram construídas 4 fontes de abastecimento de água. “A reparação das fontes continua e daqui a 4 semanas o número das reabilitadas crescerá para 11”, anunciou para depois frisar que para levar a cabo estas reabilitações, Mandlakaze conta com financiamento das ONG’s que operam no distrito, como a Save the Children e a Word Vision, as comunidades e o governo local.A nossa reportagem apurou que a abertura de um fontanário custa pouco mais de 100 milhões de meticais.